Enem tem mais um Episódio

Posted on novembro 18, 2010 por

0


Nos últimso dias o Enem vem sofrendo mudanças com as decições da Justiça, agora a Justiça Federal do Ceará concedeu liminar que assegura a todos os estudantes que se sentiram prejudicados no Exame Nacional do Ensino Médio pela prova amarela ou pela inversão dos cabeçalhos nos cartões de resposta a fazer uma nova prova se quiserem, a unica obrigação é fazer um requerimento no site do Enen, porém o MEC não quer assim, para eles apenas as provas amarelas pode ser refeitas, cabe recurso do Ministério da Educação.

Juíza Karla Almeida

Juíza Karla Almeida

A decisão ainda determine que o Ministério da Educação tem que deixar o site aberto para reclamações até as 23h e 59 do dia 26/11. O minsitro Fernando Haddad, disse ontem que os estudantes vão ser convocados até a próxima semana para uma nova prova. O que fica dificil de compreender é o porque desta briga entre a Justiça Federal do Ceará, mais especificamente a Juiza Karla de Almeida e o MEC. É claro que houve prejudicados pelo ENEM, mas por em risco todo um trabalho, chega a ser a certo ponto desnecessário.

Em sua decisão a juíz afirma “defiro parcialmente o pedido de liminar do MPF para o fim de determinar ao INEP seja aplicada prova substitutiva ao Enem 2010, a todos os candidatos prejudicados pela inversão da ordem do cabeçalho do cartão-resposta, bem como àqueles estudantes que fizeram o exame com o caderno de provas de cor amarela no dia 16 de novembro, as quais foram maculadas por erro de impressão e de montagem, desde que haja prévio requerimento administrativo no site próprio do Enem”

Fica claro que o MPF tem também suas razões no pedido, já que segundo numeros do MEC apenas 3,3 milhões de estudantes fizeram o ENEM este ano, sendo que houveram cerca de 4,6 milhões de inscritos. Aí apareçe um grande problema, talvez a Prova tenha perdido sua credibilidade já que a desistência foi grande. Segundo alguns alunos além dos problemas as provas estavam realmente muito dificéis, para o Ensino que temos no País que é de péssima qualidade, talvez o grau de dificuldade seja excessivo.

Anúncios
Posted in: Geral